terça-feira, 9 de julho de 2019

Criminalidade no RN já resultou neste ano na morte de nove agentes de segurança pública

PMNove agentes de segurança pública já foram mortos no Rio Grande do Norte neste ano. O dado é do Observatório da Violência (OBVIO) e dá conta de que os casos vitimaram seis policiais militares aposentados, um da ativa, um bombeiro militar aposentado e um policial civil da ativa.
Segundo o levantamento do Obvio no mesmo período do ano passado, 1° de janeiro e 4 de julho, foram 16 casos; contra 15 em 2017; sete em 2016; e três em 2015. O crime mais recente deste ano contra agente de segurança pública no estado aconteceu na tarde da última quarta-feira (3), na região da Grande Natal, e vitimou o 1° tenente da reserva Plínio Sales, de 56 anos de idade.
O PM foi velado e sepultado no dia seguinte. Ele morreu vítima de uma tentativa de assalto na zona rural da cidade de Macaíba. A Polícia Militar do Estado lamentou o ocorrido e lembrou que o PM entrou na corporação em 1985 e tinha ido para a reserva havia pouco mais de um ano.

Nenhum comentário: