sexta-feira, 5 de abril de 2019

Falta de repasses do Minha Casa, Minha Vida pode causar demissão de mil trabalhadores no RN

CONSTRUÇAOCerca de mil trabalhadores da construção civil podem ficar desempregados no Rio Grande do Norte. O número foi revelado, nesta quarta-feira, 3, pelo SINDUSCON, o sindicato que representa a indústria do setor. Desde o começo do ano, o Governo Federal vem acumulando uma dívida que já alcança R$ 5 milhões com as construtoras que integram o programa Minha Casa, Minha Vida no estado.
“São mil postos ameaçados, o que preocupa muito. Fora isso, também ficam ameaçadas as obras de 1.200 unidades. Ou seja, 1.200 famílias podem ter o sonho da casa própria retardado. O detalhe é que 80% dessas unidades foram retomadas, ou seja, já foram paralisadas no passado”, lamentou o diretor de Materiais e Serviços do SINDUSCON, Carlos Henrique de Oliveira Dantas.

Nenhum comentário: