sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

RN garante até o fim do ano exportação de frutas frescas para o Chile

melãoO Serviço Agrícola e Pecuário do Chile renovou a resolução que permite ao país importar frutas frescas do Rio Grande do Norte. O estado, dessa forma, garantiu a exportação até o fim de 2019. Presidente do Comitê Executivo de Fruticultura do RN (COEX), Luiz Roberto Barcelos comemorou o resultado. “A resolução que renova a exportação de frutas frescas para o Chile é de forma significativa o reconhecimento do trabalho efetivo na área livre e isso serve de parâmetro de mercado para outros países como a China por exemplo”, disse.
O diretor geral do Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN, conhecido pela sigla Idiarn, Mário Manso explicou que a renovação “foi mantida devido a área livre da mosca-das-frutas cumprir os padrões que o Chile exige para exportação”. Ele não tem dúvidas de que “é uma boa notícia para os produtores potiguares”.

Nenhum comentário: