quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

ITEP INICIA MUTIRÃO PARA TENTAR IDENTIFICAR 79 CORPOS ACUMULADOS

O Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep-RN) anunciou que deu início, nesta quinta-feira (24), a um mutirão para registrar e tentar identificar 79 corpos que estão acumulados na sede do órgão, na capital potiguar. O trabalho deve durar 90 dias. O esforço acontece após uma inspeção de urgência realizada nesta manhã pela 19ª Promotoria de Justiça da Comarca de Natal. 

O objetivo da inspeção foi apurar o atraso na confecção de laudos necroscópicos, que tem gerado o acúmulo de cadáveres sem identificação no Itep. Esta fiscalização, inclusive, chegou a ser anunciada em uma portaria publicada no dia 17 deste mês, quando foi instaurado um inquérito civil. 

Na publicação, o promotor Vitor Emanuel de Medeiros Azevedo destacou que a promotoria havia recebido a informação de que, no Itep, em Natal, existem “dezenas de cadáveres em um cômodo fechado”, os quais “estariam há mais de um ano aguardando a entrega dos respectivos laudos de exame necroscópico”. 

Nenhum comentário: