sábado, 19 de março de 2016

Neymar é condenado a pagar R$ 188,8 milhões por sonegação, segundo jornal

Neymar deixou de pagar R$ 63,6 milhões em impostos entre 2012 e 2014, segundo investigação – Tom Gandolfini / AFP

Uma corte administrativa da Receita Federal no Rio de Janeiro considerou o atacante Neymar culpado por crimes de sonegação de imposto de renda, fraude e conluio.
O craque do Barcelona deverá pagar R$ 188,8 milhões em impostos atrasados e multas. Ainda cabe recurso da decisão. As informações são do jornal “Folha de São Paulo”.
A condenação segue o parecer dado pela 20ª Turma da Delegacia da Receita, que havia considerado, no início de março, que Neymar havia utilizado três empresas, administradas por seus pais, para disfarçar rendimentos recebidos pelo próprio jogador em contratos com o Santos, o Barcelona e a Nike, empresa de material esportivo que patrocina Neymar. As investigações começaram a partir da transferência dele do Santos para o Barcelona, ocorrida em 2013.
O voto da auditora fiscal Claudia Develly Montez, obtido pela “Folha”, diz que “é possível confirmar que foram praticados por eles (Neymar e seus pais) negócios jurídicos simulados, fraudulentos”. De acordo com a investigação, Neymar deixou de pagar R$ 63,6 milhões em impostos entre 2012 e 2014.
O atacante ainda pode recorrer da decisão junto ao Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), em Brasília. Até o momento, Neymar e seus pais não se pronunciaram.

O Globo


Nenhum comentário: